Menu

Escola Gianete

Escola Gianete
 


ProInfo realiza Minicurso: A Geometria do Tangram


Com o objetivo de estimular o interesse pela geometria, já que se trata de um assunto importante, mas que na maioria das vezes fica esquecido pelo próprio corpo docente causando o desinteresse pelo assunto aos alunos.
O minicurso foi realizado na turma 6° Ano B pelo Professor Coordenador de Laboratório Wellingthon Galindo. O trabalho foi dividido em três importantes etapas: Introdutória, Produtiva e Expositiva. Na parte introdutória, os alunos conheceram através de vídeos e apresentação de slides a lenda da origem do Tangram e sua importância para o uso da matemática; na segunda etapa, utilizaram o software do GCompris Tangram do Linux Educacional 4.0  e na etapa final, confeccionaram e o objeto e montaram desenhos para exposição.





O famoso e tradicional jogo Tangram é um quebra-cabeça chinês formado por 7 peças (5 triângulos, 1 quadrado e 1 paralelogramo). Com essas peças podemos formar várias figuras, utilizando todas elas sem sobrepô-las. Segundo a Enciclopédia do Tangram é possível montar mais de 1700 figuras com as 7 peças. Esse quebra-cabeça, também conhecido como jogo das sete peças, é utilizado pelos professores de matemática como instrumento facilitador da compreensão das formas geométricas. Além de facilitar o estudo da geometria, ele desenvolve a criatividade e o raciocínio lógico, que também são fundamentais para o estudo da matemática. Não se sabe ao certo como surgiu o Tangram, apesar de haverem várias lendas sobre sua origem.


Com o uso do tangram podemos trabalhar a identificação, comparação, descrição, classificação e desenho de formas geométricas planas, visualização e representação de figuras planas, exploração de transformações geométricas através de decomposição e composição de figuras, compreensão das propriedades das figuras geométricas planas, representação e resolução de problemas usando modelos geométricos. Esse trabalho permite o desenvolvimento de algumas habilidades tais como a visualização, percepção espacial, análise, desenho escrito e construção.
Projeto desenvolvido na UFRPE, curso de Licenciatura em Computação por Mariana Ribeiro e Wellingthon Galindo.

Postar um comentário

 
Top